terça-feira, 8 de setembro de 2009

Aparência não é tudo


Nunca me achei a mais bonita da festa, da escola, da galera nem nada. Mas também nunca me achei a mais feia, então isso significa que um pouquinho de amor próprio eu tenho.
E apesar de falarem que você só pode gostar de alguém depois de gostar de si mesmo, eu aprendi diferente, eu realmente comecei a me curtir, depois que alguém começou a gostar mesmo de mim, do jeito que eu sou. Esquisita, de cabelo sempre armado, baixinha e com uma barriguinha nada sensual. Quando eu gostei de verdade de alguém e esse alguém me correspondeu , eu comecei a me gostar, comecei a mudar o espelho de posição, vira o rosto pra cá, um pouco mais pra lá, até achar uma forma que eu me achasse linda diante do temido espelho. Tenho noção de que não posso usar uma blusinha com barriga de fora nem deixar meu cabelo secar ao vento, mas mesmo assim acredito ter algo especial. Sou bonita, engraçada e geralmente bem gente boa. Não preciso de roupas de marca, maquiagem na escola, nem festas populares pra me sentir bem. Às vezes em casa, embaixo das cobertas, comendo porcarias e assistindo filme eu me acho muito mais linda do que quando estou produzida pra sair. Aprendi a me gostar, ainda não totalmente, mas estou no caminho. As pessoas gostam de pessoas que gostam de si mesmas, é fato. Acredito fielmente que quando tirar o aparelho, o cabelo crescer e perder um pouco a barriga eu fique muito, mais muito gata, Angelina que se cuide!
Aparência não é tudo, mas se ela vai fazer com que você se sinta melhor consigo mesma, é só trabalhar com ela!

Pauta para o Site: Eu me amo! (?)

6 comentários:

  1. Oi!

    Eu ainda não aprendi a me aceitar completamente, mas estou trabalhando nisso. É difícil, mas tô tentando ;)

    ResponderExcluir
  2. Uns dias de gata outros de Fiona. Aparência conta?! Também, mas existem coisas a mais, detalhes a mais. Conte com ela sim mas, principalmente, conte com você. :)

    Beijo.

    ResponderExcluir
  3. Bem legal, bem legal mesmooo esse post, adorei o que vc escreveui e me vi, me vi bem assim, igualzinha!
    Ops, sem aparelho!
    rsrsrsrsrs

    bjokas*

    ResponderExcluir
  4. O importante é ser feliz, vai! :}

    ResponderExcluir
  5. - Adoreeei o texto!
    - Tem selo lá no blog para os 50 primeiros que comentarem. Vai lá!
    beijos,
    Sofia
    (http://pirulito-no-palito.blogspot.com)

    ResponderExcluir
  6. Ahaaaaa, mais uma que descobriu alguns 'super poderes' dos humanos... Fico feliz por tudo (se claro, for verídico)Acredito que há várias formas de se conseguir ter uma vida plena de várias formas diferentes, e é legal saber que vc conseguil um pouco mais de uma forma que eu não julgo ser a mais comum. Até mais, bjos

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Me encontre também: